Consultório Odontológico _ Contato

Consultório Odontológico _ Contato
Clínica Geral/Odontopediatria__Telefax: (33) 3755-1526 Skype: cdmarciolara
Caso tenha alguma dúvida ou queira conversar conosco on-line, chame-nos pelo Skype ou MSN Messenger(clique abaixo) !!!

Site consultório: www.odontologialara.com.br






Google
20 ANOS DEDICADOS À ODONTOLOGIA
A SUA SAÚDE EM NOSSAS MÃOS!
INVISTA EM VOCÊ, SEU SORRISO MERECE!
MARQUE JÁ A SUA CONSULTA:
(33)3755-1526

Windows Live Messenger

domingo, 27 de abril de 2008

Pensamentos _ Mário Quintana

PENSAMENTOS MÁRIO QUINTANA

A ARTE DE LER: O leitor que mais admiro é aquele que não chegou até a presente linha. Neste momento já interrompeu a leitura e está continuando a viagem por conta própria(MÁRIO QUINTANA)

A CARTA: Quando completei quinze anos, meu compenetrado padrinho me escreveu uma carta muito, muito séria: tinha até ponto-e-vírgula! Nunca fiquei tão impressionado na minha vida(MÁRIO QUINTANA)

A CRIAÇÃO DA XOXOTA: Sete bons homens de fino saber Criaram a xoxota, como pode se ver: Chegando na frente, veio um açougueiro Com faca afiada deu talho certeiro. Um bom marceneiro, com dedicação Fez furo no centro com malho e formão. Em terceiro o alfaiate, capaz e moderno Forrou com veludo o lado interno. Um bom caçador, chegando na hora Forrou com raposa, a parte de fora. Em quinto chegou, sagaz pescador Esfregando um peixe, deu-lhe o odor. Em sexto, o bom padre da igreja daqui. Benzeu-a dizendo: É só pra xixi! Por fim o marujo, zarolho e perneta Chupou-a, fodeu-a e chamou-a Buceta(MÁRIO QUINTANA)

A DIFERENÇA: A diferença entre um poeta e um louco é que o poeta sabe que é louco... Porque a poesia é uma loucura lúcida(MÁRIO QUINTANA)

A alma é essa coisa que nos pergunta se a alma existe(MÁRIO QUINTANA)

A amizade é um amor que nunca morre(MÁRIO QUINTANA)

A arte de viver é simplesmente a arte de conviver ... simplesmente, disse eu? Mas como é difícil(MÁRIO QUINTANA)

A esperança brota eternamente no peito do homem. Ele nunca é, mas espera sempre ser feliz(MÁRIO QUINTANA)

A esperança é um urubu pintado de verde(MÁRIO QUINTANA)

A felicidade é um sentimento simples; você pode encontrá-la e deixá-la ir embora, por não perceber a sua simplicidade(MÁRIO QUINTANA)

A função do poeta não é explicar-se. A função do poeta é expressar-se(MÁRIO QUINTANA)

A gente deve atravessar a vida como quem está gazeando a aula, e não como quem vai para a escola(MÁRIO QUINTANA)

A idade de ser feliz.: Existe somente uma idade para a gente ser feliz, somente uma época na vida de cada pessoa em que é possível sonhar e fazer planos e ter energia bastante para realizá-los a despeito de todas as dificuldades e obstáculos. Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente e desfrutar tudo com toda intensidade sem medo nem culpa de sentir prazer. Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida à nossa própria imagem e semelhança e vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores e entregar-se a todos os amores sem preconceito nem pudor. Tempo de entusiasmo e coragem em que todo desafio é mais um convite à luta que a gente enfrenta com toda disposição de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO, e quantas vezes for preciso. Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se PRESENTE e tem a duração do instante que passa(MÁRIO QUINTANA)

A indiferença é a maneira mais polida de desprezar alguém(MÁRIO QUINTANA)

A laranja cortada ao meio, Úmida de amor, anseia pela outra. É assim, é bem assim que eu te desejo(MÁRIO QUINTANA)

A maior dor do vento é não ser colorido(MÁRIO QUINTANA)

A melhor maneira de te vingares de um teu inimigo é dar de presente uma corneta ao filhinho dele(MÁRIO QUINTANA)

A mentira é uma verdade que se esqueceu de acontecer(MÁRIO QUINTANA)

A noite acendeu as estrelas porque tinha medo da própria escuridão(MÁRIO QUINTANA)

A poesia não se entrega a quem a define(MÁRIO QUINTANA)

A preguiça é a mãe do progresso. Se o homem não tivesse preguiça de caminhar, não teria inventado a roda(MÁRIO QUINTANA)

A recordação é uma cadeira de balanço, embalando sozinha(MÁRIO QUINTANA)

A resposta certa, não importa nada: o essencial é que as perguntas estejam certas(MÁRIO QUINTANA)

A saudade da amada criatura é bem melhor do que a presença dela(MÁRIO QUINTANA)

A verdadeira arte de viajar... A gente sempre deve sair à rua como quem foge de casa, Como se estivessem abertos diante de nós todos os caminhos do mundo. Não importa que os compromissos, as obrigações, estejam ali... Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando(MÁRIO QUINTANA)

A vida não é um jogo onde só quem testa seus limites é que leva o prêmio. Não sejamos vítimas ingênuas desta tal competitividade. Se a meta está alta demais, reduza-a. Se você não está de acordo com as regras, demita-se. Invente seu próprio jogo. Faça o que for necessário para ser feliz. Mas não se esqueça que a felicidade é um sentimento simples, você pode encontrá-la e deixá-la ir embora por não perceber sua simplicidade(MÁRIO QUINTANA)

A vida é um incêndio: nela dançamos, salamandras mágicas Que importa restarem cinzas se a chama foi bela e alta? Em meio aos toros que desabam, cantemos a canção das chamas! Cantemos a canção da vida, na própria luz consumida(MÁRIO QUINTANA)

AMAR: Fechei os olhos para não te ver e a minha boca para não dizer... E dos meus olhos fechados desceram lágrimas que não enxuguei, e da minha boca fechada nasceram sussurros e palavras mudas que te dediquei... O amor é quando a gente mora um no outro(MÁRIO QUINTANA)

AMOR: Quando duas pessoas fazem amor Não estão apenas fazendo amor Estão dando corda ao relógio do mundo(MÁRIO QUINTANA)

AS INDAGAÇÕES: A resposta certa, não importa nada: o essencial é que as perguntas estejam certas(MÁRIO QUINTANA)

Abandonou-te? - Pior ainda! Esqueceu-me(MÁRIO QUINTANA)

Ah! Essas Precauções... Para desespero de seus parentes, o velho rei Mitridates, como todo mundo sabe, conseguiu tornar-se imune a todos os venenos... até que um bom tijolaço na cabeça liquidou o assunto(MÁRIO QUINTANA)

Ah, esses moralistas... Não há nada que empeste mais do que um desinfetante(MÁRIO QUINTANA)

Ah, pobre amigo, nunca saibas tu(MÁRIO QUINTANA)

Amar é mudar a alma de casa(MÁRIO QUINTANA)

Amizade é quando você não faz questão de você e se empresta pros outros(MÁRIO QUINTANA)

Amor não é se envolver com a pessoa perfeita, aquela dos nossos sonhos. Não existem príncipes nem princesas. Encare a outra pessoa de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas sabendo também de seus defeitos. O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que podemos ser(MÁRIO QUINTANA)

Amor é quando a paixão não tem outro compromisso marcado(MÁRIO QUINTANA)

Ansiedade é quando sempre faltam muitos minutos para o que quer que seja(MÁRIO QUINTANA)

Antes, todos os caminhos iam. Agora todos os caminhos vêm. A casa é acolhedora, os livros poucos. E eu mesmo preparo o chá para os fantasmas(MÁRIO QUINTANA)

Ao Pé da Letra: Enforcar-se é levar muito a sério o nó na garganta(MÁRIO QUINTANA)

As falsas Recordações: Se a gente pudesse escolher a infância que teria vivido, com enternecimento eu não recordaria agora aquele velho tio de perna de pau, que nunca existiu na familia, e aquele arroio que nunca passou aos fundos do quintal, e onde íamos pescar e sestear nas tardes de verão, sob o zumbido inquietante dos besouros(MÁRIO QUINTANA)

As mãos que dizem adeus são pássaros que vão morrendo lentamente(MÁRIO QUINTANA)

As reticências são os três primeiros passos do pensamento que continua por conta própria o seu caminho(MÁRIO QUINTANA)

As árvores podadas parecem mãos enterradas dos vivos(MÁRIO QUINTANA)

Autodidata é um ignorante por conta própria(MÁRIO QUINTANA)

BILHETE: Se tu me amas, ama-me baixinho Não o grites de cima dos telhados Deixa em paz os passarinhos Deixa em paz a mim! Se me queres, enfim, tem de ser bem devagarinho, Amada, que a vida é breve, e o amor mais breve ainda(MÁRIO QUINTANA)

Bendito quem inventou o belo truque do calendário, pois o bom da segunda-feira, do dia 1º do mês e de cada ano novo é que nos dão a impressão de que a vida não continua, mas apenas recomeça(MÁRIO QUINTANA)

Biografia: Era um grande nome - ora que dúvida! Uma verdadeira glória. Um dia adoeceu, morreu, virou rua... E continuaram a pisar em cima dele(MÁRIO QUINTANA)

Busca: Subnutrido de beleza, meu cachorro-poema vai farejando poesia em tudo, pois nunca se sabe quanto tesouro andará desperdiçado por aí... Quanto filhotinho de estrela atirado no lixo(MÁRIO QUINTANA)

CONFISSÃO: Que esta minha paz e este meu amado silêncio Não iludam a ninguém Não é a paz de uma cidade bombardeada e deserta Nem tampouco a paz compulsória dos cemitérios Acho-me relativamente feliz Porque nada de exterior me acontece... Mas, Em mim, na minha alma, Pressinto que vou ter um terremoto(MÁRIO QUINTANA)

Cada pessoa pensa como pode(MÁRIO QUINTANA)

Certeza é quando a idéia cansa de procurar e pára(MÁRIO QUINTANA)

Com o tempo, não vamos ficando sozinhos apenas pelos que se foram: vamos ficando sozinhos uns dos outros(MÁRIO QUINTANA)

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquele alguém que você ama - ou acha que ama - e que não quer nada com você, definitivamente não é o alguém da sua vida. Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você. O segredo é não correr atrás das borboletas... é cuidar do jardim para que elas venham até você. No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você(MÁRIO QUINTANA)

Como é ridículo o amor... alheio(MÁRIO QUINTANA)

Confesso que até hoje só conheci dois sinônimos perfeitos: 'nunca' e 'sempre'(MÁRIO QUINTANA)

Culpa é quando você cisma que podia ter feito diferente mas, geralmente, não podia(MÁRIO QUINTANA)

DA CALÚNIA: Sorri com tranquilidade Quando alguém te calunia. Quem sabe o que não seria Se ele dissesse a verdade(MÁRIO QUINTANA)

DA DISCRIÇÃO: Não te abras com teu amigo Que ele um outro amigo tem. E o amigo do teu amigo Possui amigos também(MÁRIO QUINTANA)

DA FELICIDADE: Quantas vezes a gente,em busca da ventura, Procede tal e qual o avozinho infeliz: Em vão,por toda parte,os óculos procura Tendo-os na ponta do nariz(MÁRIO QUINTANA)

DA OBSERVAÇÃO: Não te irrites, por mais que te fizerem... Estuda, a frio, o coração alheio. Farás, assim, do mal que eles te querem, Teu mais amável e sutil recreio(MÁRIO QUINTANA)

DA PERFEIÇÃO DA VIDA: Por que prender a vida em conceitos e normas? O Belo e o Feio... O Bom e o Mau... Dor e Prazer... Tudo, afinal, são formas E não degraus do Ser(MÁRIO QUINTANA)

DAS UTOPIAS: Se as coisas são inatingíveis... ora! Não é motivo para não querê-las... Que tristes os caminhos, se não fora A presença distante das estrelas(MÁRIO QUINTANA)

DATILOGRAFIA: escrita por batuque(MÁRIO QUINTANA)

DEFINIÇÕES:Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança para acontecer de novo e não consegue(MÁRIO QUINTANA)

DIÁLOGO BOBO: - Abandonou-te? - Pior ainda: esqueceu-me(MÁRIO QUINTANA)

DIÁLOGO NOITE ADENTRO: - Mas há as que nos compreendem... - Ah, essas são as piores(MÁRIO QUINTANA)

DO AMOROSO ESQUECIMENTO: Eu, agora - que desfecho! Já nem penso mais em ti... Mas será que nunca deixo De lembrar que te esqueci?(MÁRIO QUINTANA)

DO BEM E DO MAL: Todos tem seu encanto: os santos e os corruptos. Não há coisa na vida inteiramente má. Tu dizes que a verdade produz frutos... Já viste as flores que a mentira dá?(MÁRIO QUINTANA)

DO BEM O DO MAL: No fundo, não há bons nem maus. Há apenas os que sentem prazer em fazer o bem e os que sentem prazer em fazer o mal. Tudo é volúpia(MÁRIO QUINTANA)

DO ESTILO: O estilo é uma dificuldade de expressão(MÁRIO QUINTANA)

DOS MILAGRES: O milagre não é dar vida ao corpo extinto, Ou luz ao cego, ou eloqüência ao mudo... Nem mudar água pura em vinho tinto... Milagre é acreditarem nisso tudo(MÁRIO QUINTANA)

DOS MUNDOS: Deus criou este mundo. O homem, todavia, Entrou a desconfiar, cogitabundo... Decerto não gostou lá muito do que via... E foi logo inventando o outro mundo(MÁRIO QUINTANA)

DOS NOSSOS MALES: A nós bastem nossos próprios ais, Que a ninguém sua cruz é pequenina. Por pior que seja a situação da China, Os nossos calos doem muito mais(MÁRIO QUINTANA)

DUPLA DELÍCIA: O livro traz a vantagem de a gente poder estar só e ao mesmo tempo acompanhado(MÁRIO QUINTANA)

De um autor inglês do saudoso século XIX: O verdadeiro gentleman compra sempre três exemplares de cada livro: um para ler, outro para guardar na estante e o último para dar de presente(MÁRIO QUINTANA)

Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo. Porque os corpos se entendem, mas as almas não(MÁRIO QUINTANA)

Desconfia da tristeza de certos poetas. É uma tristeza profissional e tão suspeita como a exuberante alegria das coristas(MÁRIO QUINTANA)

Despertador é bom para a gente se virar para o outro lado e dormir de novo(MÁRIO QUINTANA)

Dizes que a beleza não é nada? Imagina um hipopótamo com alma de anjo... Sim, ele poderá convencer os outros de sua angelitude - mas que trabalheira(MÁRIO QUINTANA)

Durante as belas noites de tempestade, os relâmpagos tiram fotografias da paisagem(MÁRIO QUINTANA)

E assim, ouvi-lhe todo o amor alheio(MÁRIO QUINTANA)

E nenhum me tem a mim(MÁRIO QUINTANA)

E o que quer dizer uma nuvem? - respondi triunfante(MÁRIO QUINTANA)

E todos aqueles que atravancaram meu caminho,eles passarão eu passarinho(MÁRIO QUINTANA)

E um dia os homens descobrirão que esses discos voadores estavam apenas estudando a vida dos insetos(MÁRIO QUINTANA)

Escadas de caracol Sempre São misteriosas: conturbam... Quandas as desce, a gente Se desparafusa... Quando a gente as sobe Se parafusa(MÁRIO QUINTANA)

Esquece todos os poemas que fizeste. Que cada poema seja o número um(MÁRIO QUINTANA)

Essa lembrança que nos vem às vezes... folha súbita que tomba abrindo na memória a flor silenciosa de mil e uma pétalas concêntricas... Essa lembrança...mas de onde? de quem? Essa lembrança talvez nem seja nossa, mas de alguém que, pensando em nós, só possa mandar um eco do seu pensamento nessa mensagem pelos céus perdida... Ai! Tão perdida que nem se possa saber mais de quem(MÁRIO QUINTANA)

Esse negócio de amor, não sei explicar(MÁRIO QUINTANA)

Esses padres conhecem mais pecados do que a gente(MÁRIO QUINTANA)

Esses que puxam conversa sobre se chove ou não chove - não poderão ir para o Céu! Lá faz sempre bom tempo(MÁRIO QUINTANA)

Esta vida é uma estranha hospedaria, De onde se parte quase sempre às tontas, Pois nunca as nossas malas estão prontas, E a nossa conta nunca está em dia(MÁRIO QUINTANA)

Estilo é a deficiência que faz um sujeito escrever sempre do mesmo jeito(MÁRIO QUINTANA)

Eu amo o mundo! Eu detesto o mundo! Eu creio em Deus! Deus é um absurdo! Eu vou me matar! Eu quero viver! - Você é louco? - Não, sou poeta(MÁRIO QUINTANA)

Eu estava dormindo e me acordaram E me encontrei, assim, num mundo estranho e louco... E quando eu começava a compreendê-lo Um pouco, Já eram horas de dormir de novo(MÁRIO QUINTANA)

FELICIDADE REALISTA: A princípio bastaria ter saúde, dinheiro e amor, o que já é um pacote louvável, mas nossos desejos são ainda mais complexos. Não basta que a gente esteja sem febre: queremos, além de saúde, ser magérrimos, sarados, irresistíveis. Dinheiro? Não basta termos para pagar o aluguel, a comida e o cinema: queremos a piscina olímpica e uma temporada num spa cinco estrelas. E quanto ao amor? Ah, o amor... não basta termos alguém com quem podemos conversar, dividir uma pizza e fazer sexo de vez em quando. Isso é pensar pequeno: queremos AMOR, todinho maiúsculo. Queremos estar visceralmente apaixonados, queremos ser surpreendidos por declarações e presentes inesperados, queremos jantar a luz de velas de segunda a domingo, queremos sexo selvagem e diário, queremos ser felizes assim e não de outro jeito. É o que dá ver tanta televisão. Simplesmente esquecemos de tentar ser felizes de uma forma mais realista. Ter um parceiro constante pode ou não, ser sinônimo de felicidade. Você pode ser feliz solteiro, feliz com uns romances ocasionais, feliz com um parceiro, feliz sem nenhum. Não existe amor minúsculo, principalmente quando se trata de amor-próprio. Dinheiro é uma benção. Quem tem, precisa aproveitá-lo, gastá-lo, usufruí-lo. Não perder tempo juntando, juntando, juntando. Apenas o suficiente para se sentir seguro, mas não aprisionado. E se a gente tem pouco, é com este pouco que vai tentar segurar a onda, buscando coisas que saiam de graça, como um pouco de humor, um pouco de fé e um pouco de criatividade. Ser feliz de uma forma realista é fazer o possível e aceitar o improvável. Fazer exercícios sem almejar passarelas, trabalhar sem almejar o estrelato, amar sem almejar o eterno. Olhe para o relógio: hora de acordar É importante pensar-se ao extremo, buscar lá d entro o que nos mobiliza, instiga e conduz, mas sem exigir-se desumanamente. A vida não é um jogo onde só quem testa seus limites é que leva o prêmio. Não sejamos vítimas ingênuas desta tal competitividade. Se a meta está alta demais, reduza-a. Se você não está de acordo com as regras, demita-se. Invente seu próprio jogo. Faça o que for necessário para ser feliz. Mas não se esqueça que a felicidade é um sentimento simples, você pode encontrá-la e deixá-la ir embora por não perceber sua simplicidade. Ela transmite paz e não sentimentos fortes, que nos atormenta e provoca inquietude no nosso coração. Isso pode ser alegria, paixão, entusiasmo, mas não felicidade(MÁRIO QUINTANA)

Faça o que for necessário para ser feliz. Mas não se esqueça que a felicidade é um sentimento simples, você pode encontrá-la e deixá-la ir embora por não perceber sua simplicidade(MÁRIO QUINTANA)

Felicidade é um agora que não tem pressa nenhuma(MÁRIO QUINTANA)

Fere de leve a frase... E esquece... Nada Convém que se repita...Só em linguagem amorosa agrada A mesma coisa cem mil vezes dita(MÁRIO QUINTANA)

Hoje encontrei dentro de um livro uma velha carta amarelecida, Rasguei-a sem procurar ao menos saber de quem seria... Eu tenho um medo Horrível A essas marés montantes do passado, Com suas quilhas afundadas, com Meus sucessivos cadáveres amarrados aos mastros e gáveas... Ai de mim, Ai de ti, ó velho mar profundo, Eu venho sempre à tona de todos os naufrágios(MÁRIO QUINTANA)

Hoje me acordei pensando em uma pedra numa rua de Calcutá. Numa determinada pedra numa rua de Calcutá. Solta. Sozinha. Quem repara nela? Só eu, que nunca fui lá. Só eu, deste lado do mundo, te mando agora esse pensamento... Minha pedra de Calcutá(MÁRIO QUINTANA)

Hoje é 2ª feira? Meu Deus, como eu fui perder a 1ª feira?(MÁRIO QUINTANA)

Hoje é outro dia(MÁRIO QUINTANA)

Há 2 espécies de chatos: os chatos propriamente ditos e ... os amigos, que são os nossos chatos prediletos(MÁRIO QUINTANA)

Há dois sinais de envelhecimento. O primeiro é desprezar os jovens. O outro é quando a gente começa a adulá-los(MÁRIO QUINTANA)

Há duas espécies de livros. Uns que os leitores esgotam, outros que esgotam os leitores(MÁRIO QUINTANA)

Há noites que eu não posso dormir de remorso por tudo o que eu deixei de cometer(MÁRIO QUINTANA)

Há uns que morrem antes; outros depois. O que há de mais raro, em tal assunto, é o defunto certo na hora exata(MÁRIO QUINTANA)

INSCRIÇÃO PARA UM PORTÃO DE CEMITÉRIO: Na mesma pedra se encontram, Conforme o povo traduz, Quando se nasce - uma estrela, Quando se morre - uma cruz. Mas quantos que aqui repousam Hão de emendar-nos assim: Ponham-me a cruz no princípio... E a luz da estrela no fim(MÁRIO QUINTANA)

INSCRIÇÃO PARA UMA LAREIRA: A vida é um incêndio: nela dançamos, salamandras mágicas Que importa restarem cinzas se a chama foi bela e alta? Em meio aos toros que desabam, cantemos a canção das chamas! Cantemos a canção da vida, na própria luz consumida(MÁRIO QUINTANA)

Indecisão é quando você sabe muito bem o que quer mas acha que devia querer outra coisa(MÁRIO QUINTANA)

Inscrição para um portão de cemitério: A morte não melhora ninguém(MÁRIO QUINTANA)

Interesse é um ponto de exclamação ou de interrogação no final do sentimento(MÁRIO QUINTANA)

Intuição é quando seu coração dá um pulinho no futuro e volta rápido(MÁRIO QUINTANA)

Já trazes ao nascer a tua filosofia. As razões? Essas vêm posteriormente, Tal como escolhes, na chapelaria, A fôrma que mais te assente(MÁRIO QUINTANA)

LEGÍTIMA APROPRIAÇÃO: Copio e assino essa frase encontrada no velho Schopenhauer: A soma de barulho que uma pessoa pode suportar está na razão inversa de sua capacidade mental (MÁRIO QUINTANA)

LEITURA: Se é proibido escrever nos monumentos, também deveria haver uma lei que proibisse escrever sobre Shakespeare e Camões(MÁRIO QUINTANA)

LEITURAS: - Você ainda não leu O Significado do Significado? Não? Assim você nunca fica em dia. - Mas eu estou só esperando que apareça O Significado do Significado do Significado(MÁRIO QUINTANA)

LINHA CURVA: O caminho mais agradável entre dois pontos(MÁRIO QUINTANA)

LINHA RETA: Linha sem imaginação(MÁRIO QUINTANA)

Lembrança é quando, mesmo sem autorização, seu pensamento reapresenta(MÁRIO QUINTANA)

Livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas(MÁRIO QUINTANA)

Lucidez é um acesso de loucura ao contrário(MÁRIO QUINTANA)

MAU HUMOR: Os que metem uma bala na cabeça retiram-se deste mundo batendo com a porta(MÁRIO QUINTANA)

Mas o que quer dizer este poema? - perguntou-me alarmada a boa senhora E o que quer dizer uma nuvem? - respondi triunfante. Uma nuvem - disse ela - umas vezes quer dizer chuva, outras vezes bom tempo(MÁRIO QUINTANA)

Mas que haverá com a lua que sempre que a gente olha é com um novo espanto?(MÁRIO QUINTANA)

Mas que susto não irão levar essas velhas carolas se Deus existe mesmo(MÁRIO QUINTANA)

Melancolia: Maneira romântica de ficar triste(MÁRIO QUINTANA)

Minha vida é uma colcha de retalhos. Todos da mesma cor(MÁRIO QUINTANA)

Mulheres são como maçãs em árvores. As melhores estão no topo. Os homens não querem alcançar essas boas porque têm medo de cair e se machucar. Preferem pegar as maçãs podres que ficam no chão, que não são boas como as do topo, mas são fáceis de conseguir. Assim, as maçãs no topo pensam que algo está errado com elas, quando na verdade, eles estão errados. Elas têm que esperar um pouco para o homem certo chegar, aquele que é valente o bastante para escalar até o topo da árvore(MÁRIO QUINTANA)

NUNCA NINGUÉM SABE: Nunca ninguém sabe se estou louco para rir ou para chorar Pois o meu verso tem essa quase imperceptível tremor... A vida é louca, o mundo é triste: vale a pena matar-se por isso? Nem por ninguém! Só se deve morrer de puro amor(MÁRIO QUINTANA)

Na mesma pedra se encontram, Conforme o povo traduz, Quando se nasce - uma estrela, Quando se morre - uma cruz. Mas quantos que aqui repousam Hão de emendar-nos assim: Ponham-me a cruz no princípio... E a luz da estrela no fim(MÁRIO QUINTANA)

Nada jamais continua, Tudo vai recomeçar(MÁRIO QUINTANA)

Nasci em Alegrete, em 30 de julho de 1906. Creio que foi a principal coisa que me aconteceu. E agora pedem-me que fale sobre mim mesmo. Bem! Eu sempre achei que toda confissão não transfigurada pela arte é indecente. Minha vida está nos meus poemas, meus poemas são eu mesmo, nunca escrevi uma vírgula que não fosse uma confissão. Ah! mas o que querem são detalhes, cruezas, fofocas... Aí vai! Estou com 78 anos, mas sem idade. Idades só há duas: ou se está vivo ou morto. Neste último caso é idade demais, pois foi-nos prometida a Eternidade. Nasci no rigor do inverno, temperatura: um grau; e ainda por cima prematuramente, o que me deixava meio complexado, pois achava que não astava pronto. Até que um dia descobri que alguém tão completo como Winston Churchill nascera prematuro - o mesmo tendo acontecido a sir Isaac Newton! Excusez du peu... Prefiro citar a opinião dos outros sobre mim. Dizem que sou modesto. Pelo contrário, sou tão orgulhoso que acho que nunca escrevi algo à minha altura. Porque poesia é insatisfação, um anseio de auto-superação. Um poeta satisfeito não satisfaz. Dizem que sou tímido. Nada disso! sou é caladão, introspectivo. Não sei porque sujeitam os introvertidos a tratamentos. Só por não poderem ser chatos como os outros? Exatamente por execrar a chatice, a longuidão, é que eu adoro a síntese. Outro elemento da poesia é a busca da forma - não da fôrma -, a dosagem das palavras. Talvez concorra para esse meu cuidado o fato de ter sido prático de farmácia durante cinco anos. Note-se que é o mesmo caso de Carlos Drummond de Andrade, de Alberto de Oliveira, de Érico Veríssimo - que bem sabem - ou souberam - o que é a luta amorosa com as palavras. No céu é sempre domingo. E a gente não tem outra coisa a fazer senão ouvir os chatos. E lá é ainda pior que aqui, pois se trata dos chatos de todas as épocas do mundo(MÁRIO QUINTANA)

Nem todos podem estar na flor da idade, mas cada um deve estar sempre na flor da sua idade(MÁRIO QUINTANA)

Nesta vida temos três professores importantes: o 'Momento Feliz', o 'Momento Triste' e o 'Momento Difícil'. O 'Momento Feliz' mostra o que não precisamos mudar. O 'Momento Triste' mostra o que precisamos mudar.O 'Momento Difícil' mostra que somos capazes de superar(MÁRIO QUINTANA)

No céu é sempre domingo. E a gente não tem outra coisa a fazer senão ouvir os chatos. E lá é ainda pior que aqui, pois se trata dos chatos de todas as épocas do mundo(MÁRIO QUINTANA)

No fim tu hás de ver que as coisas mais leves são as únicas que o vento não conseguiu levar: um estribilho antigo um carinho no momento preciso o folhear de um livro de poemas o cheiro que tinha um dia o próprio vento(MÁRIO QUINTANA)

Nos acontecimentos, sim, é que há destino: Nos homens, não - espuma de um segundo... Se Colombo morresse em pequenino, O Neves descobriria o Novo Mundo(MÁRIO QUINTANA)

Nossa loucura é a mais sensata das emoções; tudo o que fazemos deixamos como exemplos para os que sonham um dia serem assim como nós: loucos.... mas felizes(MÁRIO QUINTANA)

Nunca desprezes os teus amigos, porque se um dia eles te esquecerem, só teus inimigos se lembrarão de ti(MÁRIO QUINTANA)

Nunca diga te amo se não te interessa. Nunca fale sobre sentimentos se estes não existem. Nunca toque numa vida se não pretende romper um coração. Nunca olhe nos olhos de alguém se não quiser vê-lo se derramar em lágrimas por causa de ti. A coisa mais cruel que alguém pode fazer é permitir que alguém se apaixone por você quando você não pretende fazer o mesmo(MÁRIO QUINTANA)

Nunca me dê o Céu... Quero é sonhar com ele na inquietação feliz do Purgatório(MÁRIO QUINTANA)

Não abandones as tuas ilusões. Sem elas podes continuar a existir, mas deixas de viver(MÁRIO QUINTANA)

Não desejarais a mulher do próximo, a não ser que o próximo esteja bem distante(MÁRIO QUINTANA)

Não faças da tua vida um rascunho. Poderás não ter tempo de passá-la a limpo(MÁRIO QUINTANA)

Não gosto da arquitetura nova, porque a arquitetura nova não faz casas velhas(MÁRIO QUINTANA)

Não importa saber se a gente acredita em Deus: o importante é saber se Deus acredita na gente(MÁRIO QUINTANA)

Não me ajeito com os padres, os críticos e os canudinhos de refresco: não há nada que substitua o sabor da comunicação direta(MÁRIO QUINTANA)

Não sei dançar. Minha maneira de dançar é o poema(MÁRIO QUINTANA)

Não sei porque sorri de repente. E um gosto de estrela me veio à boca(MÁRIO QUINTANA)

Não te irrites, por mais que te fizerem...Estuda, a frio, o coração alheio. Farás, assim, do mal que eles te querem, Teu mais amável e sutil recreio(MÁRIO QUINTANA)

Não tem porque interpretar um poema. O poema já é uma interpretação(MÁRIO QUINTANA)

Não tenho a pretensão de que todas as pessoas que gosto, gostem de mim. Nem que eu faça a falta que elas me fazem. O importante pra mim é saber que eu em algum momento fui insubstituível. E que esse momento será inesquecível(MÁRIO QUINTANA)

Não tenho vergonha de dizer que estou triste, Não dessa tristeza ignominiosa dos que, em vez de se matarem, fazem poemas: Estou triste por que vocês são burros e feios E não morrem nunca(MÁRIO QUINTANA)

Não... Amor é um exagero... também não(MÁRIO QUINTANA)

Nós vivemos a temer o futuro, mas é o passado que nos atropela e mata(MÁRIO QUINTANA)

O ASSUNTO: E nunca me perguntes o assunto de um poema: um poema sempre fala de outra coisa(MÁRIO QUINTANA)

O Ano Novo ainda não tem pecado: É tão criança... Vamos embalá-lo... Vamos todos cantar juntos a seu berço de mãos dadas, a canção da eterna esperança(MÁRIO QUINTANA)

O ETERNO ESPANTO: Que haverá com a lua que sempre que a gente a olha é com o súbito espanto da primeira vez?(MÁRIO QUINTANA)

O LUAR: O luar, é a luz do Sol que está sonhando O tempo não pára! A saudade é que faz as coisas pararem no tempo... ...os verdadeiros versos não são para embalar, mas para abalar...A grande tristeza dos rios é não poderem levar a tua imagem(MÁRIO QUINTANA)

O MATA-BORRÃO: O mata-borrão absorve tudo e no fim da vida acaba confundindo as coisas por que passou... O mata borrão parece gente(MÁRIO QUINTANA)

O MORTO: Eu estava dormindo e me acordaram E me encontrei, assim, num mundo estranho e louco... E quando eu começava a compreendê-lo Um pouco, Já eram horas de dormir de novo(MÁRIO QUINTANA)

O POEMA: O poema essa estranha máscara mais verdadeira do que a própria face(MÁRIO QUINTANA)

O POETA: Venho do fundo das Eras Quando o mundo mal nascia... Sou tão antigo e tão novo Como a luz de cada dia(MÁRIO QUINTANA)

O TRÁGICO DILEMA: Quando alguém pergunta a um autor o que este quis dizer, é porque um dos dois é burro(MÁRIO QUINTANA)

O amor só vive pelo sofrimento e cessa com a felicidade; porque o amor feliz é a perfeição dos mais belos sonhos, e tudo que é perfeito, ou aperfeiçoado, toca o seu fim(MÁRIO QUINTANA)

O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que podemos ser(MÁRIO QUINTANA)

O amor é quando a gente mora um no outro(MÁRIO QUINTANA)

O autor nada mais fez que vestir a verdade(MÁRIO QUINTANA)

O bom das segundas-feiras, do primeiro dia de cada mês, e do primeiro do Ano, é que nos dão a ilusão que a vida se renova... Que seria de nós se a folhinha marcasse hoje o dia 713.789 da era Cristã?(MÁRIO QUINTANA)

O café é tão grave, tão exclusivista, tão definitivo que não admite acompanhamento sólido. Mas eu o driblo, saboreando, junto com ele, o cheiro das torradas-na-manteiga que alguém pediu na mesa próxima(MÁRIO QUINTANA)

O despertador é um acidente de tráfego de sono(MÁRIO QUINTANA)

O destino é apenas o acaso com mania de grandeza(MÁRIO QUINTANA)

O fantasma é um exibicionista póstumo(MÁRIO QUINTANA)

O grande consolo das velhas anedotas são os recém-nascidos(MÁRIO QUINTANA)

O homem não morre quando deixa de viver, mas sim, quando deixa de amar(MÁRIO QUINTANA)

O luar, é a luz do Sol que está sonhando(MÁRIO QUINTANA)

O mais feroz dos animais domésticos é o relógio de parede: conheço um que já devorou três gerações da minha família(MÁRIO QUINTANA)

O mais triste da arquitetura moderna, é a resistência do seu material(MÁRIO QUINTANA)

O mais triste das dedicatórias são as datas(MÁRIO QUINTANA)

O passado não reconhece o seu lugar: esta sempre presente(MÁRIO QUINTANA)

O passado não reconhece seu lugar: está sempre presente(MÁRIO QUINTANA)

O pior dos problemas da gente é que ninguém tem nada com isso(MÁRIO QUINTANA)

O poeta canta a si mesmo porque de si mesmo é diverso(MÁRIO QUINTANA)

O que mata um jardim não é o abandono. O que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente(MÁRIO QUINTANA)

O que me impressiona, à vista de um macaco, não é que ele tenha sido nosso passado: é este pressentimento de que ele venha a ser nosso futuro(MÁRIO QUINTANA)

O que o vento não levou...: No fim tu hás de ver que as coisas mais leves são as únicas que o vento não conseguiu levar: um estribilho antigo, um carinho no momento preciso, o folhear de um livro de poemas, o cheiro que tinha um dia o próprio vento(MÁRIO QUINTANA)

O ruim dos filmes de Far West é que os tiroteios acordam a gente no melhor do sono(MÁRIO QUINTANA)

O segredo não é correr atrás das borboletas... É cuidar do jardim para que elas venham até você(MÁRIO QUINTANA)

O silêncio é um espião(MÁRIO QUINTANA)

O sorriso enriquece os recebedores sem empobrecer os doadores(MÁRIO QUINTANA)

O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo. Se as coisas são inatingíveis... ora! Não é motivo para não querê-las... Que tristes os caminhos, se não fora A presença distante das estrelas(MÁRIO QUINTANA)

O tempo é um ponto de vista. Velho é quem é um dia mais velho que a gente(MÁRIO QUINTANA)

O verdadeiro analfabeto é aquele que aprende a ler e não lê(MÁRIO QUINTANA)

O único homem que nunca comete(MÁRIO QUINTANA)

OS DEGRAUS: Não desças os degraus do sonho Para não despertar os monstros. Não subas aos sótãos - onde Os deuses, por trás das suas máscaras, Ocultam o próprio enigma. Não desças, não subas, fica. O mistério está é na tua vida! E é um sonho louco este nosso mundo(MÁRIO QUINTANA)

Olho em redor do bar em que escrevo estas linhas. Aquele homem ali no balcão, caninha após caninha, nem desconfia que se acha conosco desde o início das eras. Pensa que está somente afogando problemas dele, João Silva... Ele está é bebendo a milenar inquietação do mundo(MÁRIO QUINTANA)

Os aviões abatidos. São cruzes caindo do céu(MÁRIO QUINTANA)

Os poemas são pássaros que chegam não se sabe de onde e pousam no livro que lês. Quando fechas o livro, eles alçam vôo como de um alçapão. Eles não têm pouso nem porto; alimentam-se um instante em cada par de mãos e partem. E olhas, então, essas tuas mãos vazias, no maravilhado espanto de saberes que o alimento deles já estava em ti(MÁRIO QUINTANA)

Os que fazem amor à noite não estão apenas fazendo amor: estão dando corda no relógio do mundo(MÁRIO QUINTANA)

Os rios são tristes porque não podem parar(MÁRIO QUINTANA)

Os verdadeiros versos não são para embalar, mas para abalar(MÁRIO QUINTANA)

PEQUENO ESCLARECIMENTO: Os poetas não são azuis nem nada, como pensam alguns supersticiosos, nem sujeitos a ataques súbitos de levitação. O de que eles mais gostam é estar em silêncio - um silêncio que subjaz a quaisquer escapes motorísticos e declamatórios. Um silêncio... Este impoluível silêncio rm que escrevo e em que tu me lês(MÁRIO QUINTANA)

POEMA: Mas por que datar um poema? Os poetas que põem datas nos seus poemas me lembram essas galinhas que carimbam os ovos(MÁRIO QUINTANA)

POEMINHA DO CONTRA: Todos estes que aí estão Atravancando o meu caminho, Eles passarão. Eu passarinho(MÁRIO QUINTANA)

Paixão é quando apesar da palavra ¨perigo¨ o desejo chega e entra(MÁRIO QUINTANA)

Para os peixinhos do aquário quem troca a água é Deus(MÁRIO QUINTANA)

Para sempre é muito tempo. O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo(MÁRIO QUINTANA)

Pobre se engasga com cuspe(MÁRIO QUINTANA)

Por isso mesmo... é tua(MÁRIO QUINTANA)

Preocupação é uma cola que não deixa o que ainda não aconteceu sair de seu pensamento(MÁRIO QUINTANA)

Pressentimento é quando passa em você o trailer de um filme que pode ser que nem exista(MÁRIO QUINTANA)

Procures me amar quando menos mereço, pois é quando mais preciso(MÁRIO QUINTANA)

Qual Ioga, qual nada! A melhor ginástica respiratória que existe é a leitura, em voz alta, dos Lusíadas(MÁRIO QUINTANA)

Qualquer idéia que te agrade, Por isso mesmo... é tua. O autor nada mais fez que vestir a verdade Que dentro em ti se achava inteiramente nua(MÁRIO QUINTANA)

Quando abro a cada manhã a janela do meu quarto É como se abrisse o mesmo livro Numa página nova(MÁRIO QUINTANA)

Quando alguém pergunta a um autor o que este quis dizer, é porque um dos dois é burro(MÁRIO QUINTANA)

Quando eu for, um dia desses, Poeira ou folha levada No vento da madrugada, Serei um pouco do nada Invisível, delicioso Que faz com que o teu ar Pareça mais um olhar, Suave mistério amoroso, Cidade de meu andar - Deste já tão longo andar! - E talvez de meu repouso(MÁRIO QUINTANA)

Quando guri, eu tinha de me calar, à mesa: só as pessoas grandes falavam. Agora, depois de adulto, tenho de ficar calado para as crianças falarem(MÁRIO QUINTANA)

Quantas vezes a gente,em busca da ventura, Procede tal e qual o avozinho infeliz: Em vão,por toda parte,os óculos procura Tendo-os na ponta do nariz(MÁRIO QUINTANA)

Que a esperança nunca me pareça um NÃO que a gente teima em maquiá-lo de verde e entendê-lo como SIM. Quero poder ter a liberdade de dizer o que sinto a uma pessoa, de poder dizer a alguém o quanto ele é especial e importante pra mim, sem ter de me preocupar com terceiros... Sem correr o risco de ferir uma ou mais pessoas com esse sentimento. Quero, um dia, poder dizer às pessoas que nada foi em vão... Que o amor existe, que vale a pena se doar às amizades a às pessoas, que a vida é bela sim, e que eu sempre dei o melhor de mim... e que valeu a pena. Até Breve ...Amor(MÁRIO QUINTANA)

Que dentro em ti se achava inteiramente nua(MÁRIO QUINTANA)

Que importa restarem cinzas se a chama foi bela e alta?(MÁRIO QUINTANA)

Quem bebe por desgosto é tolo. Só se deve beber por gosto(MÁRIO QUINTANA)

Quem dera eu achasse um jeito de fazer tudo perfeito, feito a coisa fosse o projeto e tudo já nascesse satisfeito(MÁRIO QUINTANA)

Quem disse que eu me mudei? Não importa que a tenham demolido: A gente continua morando na velha casa em que nasceu(MÁRIO QUINTANA)

Quem faz um poema abre uma janela. Respira, tu que estás numa cela abafada, esse ar que entra por ela. Por isso é que os poemas têm ritmo - para que possas profundamente respirar. Quem faz um poema salva um afogado(MÁRIO QUINTANA)

Quem não compreende um olhar, tampouco compreenderá uma longa explicação(MÁRIO QUINTANA)

Quem pretende apenas a glória não a merece(MÁRIO QUINTANA)

Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras, alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho(MÁRIO QUINTANA)

Quero, um dia, dizer às pessoas que nada foi em vão... Que o amor existe, que vale a pena se doar às amizades e às pessoas, que a vida é bela sim e que eu sempre dei o melhor de mim... e que valeu a pena(MÁRIO QUINTANA)

Quiseste expor teu coração a nu. E assim, ouvi-lhe todo o amor alheio. Ah, pobre amigo, nunca saibas tu Como é ridículo o amor... alheio(MÁRIO QUINTANA)

Raiva é quando o cachorro que mora em você mostra os dentes(MÁRIO QUINTANA)

Razão é quando o cuidado aproveita que a emoção está dormindo e assume o mandato(MÁRIO QUINTANA)

Reflexão de Lavoisier ao descobrir que lhe haviam roubado a carteira: nada se perde, tudo muda de dono(MÁRIO QUINTANA)

SEMPRE QUE CHOVE: Sempre que chove Tudo faz tanto tempo... E qualquer poema que acaso eu escreva Vem sempre datado de 1779(MÁRIO QUINTANA)

SIMULTANEIDADE: - Eu amo o mundo! Eu detesto o mundo! Eu creio em Deus! Deus é um absurdo! Eu vou me matar! Eu quero viver! - Você é louco? - Não, sou poeta(MÁRIO QUINTANA)

SONHO: Um poema que ao lê-lo, nem sentirias que ele já estivesse escrito, mas que fosse brotando, no mesmo instante, de teu próprio coração(MÁRIO QUINTANA)

Se alguém lhe perguntar o que quis dizer com um poema, pergunta-lhe o que Deus quis dizer com este mundo(MÁRIO QUINTANA)

Se as coisas são inatingíveis... ora! Não é motivo para não querê-las... Que tristes os caminhos, se não fora A presença distante das estrelas(MÁRIO QUINTANA)

Se eu amo o meu semelhante? Sim. Mas onde encontrar o meu semelhante?(MÁRIO QUINTANA)

Se me esqueceres, só uma coisa, esquece-me bem devagarinho(MÁRIO QUINTANA)

Se não fosse Van Gogh, o que seria do amarelo?(MÁRIO QUINTANA)

Se um poeta consegue expressar a sua infelicidade com toda a felicidade, como é que poderá ser infeliz?(MÁRIO QUINTANA)

Sempre me senti isolado nessas reuniões sociais: o excesso de gente impede de ver as pessoas(MÁRIO QUINTANA)

Senhora, eu vos amo tanto Que até por vosso marido Me dá um certo quebranto(MÁRIO QUINTANA)

Sentimento é a língua que o coração usa quando precisa mandar algum recado(MÁRIO QUINTANA)

Sentir primeiro, pensar depois Perdoar primeiro, julgar depois Amar primeiro, educar depois Esquecer primeiro, aprender depois Libertar primeiro, ensinar depois Alimentar primeiro, cantar depois Possuir primeiro, contemplar depois Agir primeiro, julgar depois Navegar primeiro, aportar depois Viver primeiro, morrer depois(MÁRIO QUINTANA)

Sinônimos: Esses que pensam que existem sinônimos, desconfio que não sabem distinguir as diferentes nuanças de uma cor(MÁRIO QUINTANA)

Slogam para o ministério da saúde: o fumante é um retardado que ainda não conseguiu deixar de mamar(MÁRIO QUINTANA)

Sonhar é acordar-se para dentro(MÁRIO QUINTANA)

Sou o dono dos tesouros perdidos no fundo do mar. Só o que está perdido é nosso para sempre. Nós só amamos os amigos mortos E só as amadas mortas amam eternamente(MÁRIO QUINTANA)

Subnutrido de beleza, meu cachorro-poema vai farejando poesia em tudo, pois nunca se sabe quanto tesouro andará desperdiçado por aí... Quanto filhotinho de estrela atirado no lixo(MÁRIO QUINTANA)

Só a poesia possui as coisas vivas. O resto é necropsia(MÁRIO QUINTANA)

Só as crianças e os bem velhinhos conhecem a volúpia de viver dia a dia, hora a hora, e suas esperanças são breves(MÁRIO QUINTANA)

Só se deve beber por gosto: beber por desgosto é uma cretinice(MÁRIO QUINTANA)

TROVA: Coração que bate-bate... Antes deixes de bater! Só num relógio é que as horas Vão passando sem sofrer(MÁRIO QUINTANA)

Talvez porque não tenha sentido, talvez porque não tenha explicação,(MÁRIO QUINTANA)

Triste é o rio que não pode parar(MÁRIO QUINTANA)

Tristeza é uma mão gigante que aperta seu coração(MÁRIO QUINTANA)

Três amores... Quem me deu Tão estranha sorte assim? Três amores, tenho-os eu E nenhum me tem a mim(MÁRIO QUINTANA)

Tudo o que acontece é natural - inclusive o sobrenatural(MÁRIO QUINTANA)

Tão bom morrer de amor e continuar vivendo(MÁRIO QUINTANA)

Tão bom viver dia a dia... A vida, assim, jamais cansa(MÁRIO QUINTANA)

Tão estranha sorte assim?(MÁRIO QUINTANA)

URBANÍSTICA: Como seriam belas as estátuas equestres se constassem apenas dos cavalos(MÁRIO QUINTANA)

Um bom poema é aquele que nos dá a impressão de que está lendo a gente ... e não a gente a ele(MÁRIO QUINTANA)

Um dia de chuva é bom para a gente comprar livro de poemas... Quem lhe perguntar por quê, de nada lhe adiantará comprar um livro de poemas(MÁRIO QUINTANA)

Um dia descobrimos que beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem. Você não só esquece a outra como pensa muito mais nela... Um dia nós percebemos que as mulheres têm instinto caçador e fazem qualquer homem sofrer... Um dia descobrimos que se apaixonar é inevitável.. Um dia percebemos que as melhores provas de amor são as mais simples... Um dia percebemos que o comum não nos atrai... Um dia saberemos que ser classificado como bonzinho não é bom... Um dia percebemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você... Um dia saberemos a importânciada frase: Tu te tornas eternamente responsávelpor aquilo que cativas... Um dia percebemos que somos muito importante para alguém, mas não damos valor a isso... Um dia percebemos como aquele amigo faz falta, mais ai já é tarde demais... Enfim... Um dia descobrimos que apesar de viver quase um século esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para beijarmos todas as bocas que nos atraem, para dizer o que tem de ser dito... O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutarmos para realizar todas as nossas loucuras... Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação(MÁRIO QUINTANA)

Um dilúvio, um mundaréu, uma insanidade, um destempero, um despropósito, um descontrole, uma necessidade, um desapego?(MÁRIO QUINTANA)

Uma das mais deliciosas manifestações de amor é a falta de respeito(MÁRIO QUINTANA)

Uma nuvem - disse ela - umas vezes quer dizer chuva, outras vezes bom tempo(MÁRIO QUINTANA)

Uma vida não basta ser vivida. Ela precisa ser sonhada(MÁRIO QUINTANA)

VENTO: Pastor das nuvens(MÁRIO QUINTANA)

VERSO AVULSO: ... O luar é a luz do sol que está dormindo(MÁRIO QUINTANA)

Vale a pena estar vivo - nem que seja para dizer que não vale a pena(MÁRIO QUINTANA)

Vergonha é um pano preto que você quer pra se cobrir naquela hora(MÁRIO QUINTANA)

Vontade é um desejo que cisma que você é a casa dele(MÁRIO QUINTANA)

os verdadeiros versos não são para embalar, mas para abalar(MÁRIO QUINTANA)

um capítulo: Angústia é um nó muito apertado bem no meio do sossego(MÁRIO QUINTANA)

Às vezes a gente pensa que está dizendo bobagens e está fazendo poesia(MÁRIO QUINTANA)

Às vezes tudo se ilumina de uma intensa irrealidade E é como se agora este pobre, este único, este efêmero instante do mundo Estivesse pintado numa tela, Sempre(MÁRIO QUINTANA)

Nenhum comentário:

Pesquisar postagens neste blog